Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Sonho

Todos os dias temos uma decisão a tomar: o que vou fazer com a minha vida? Por aqui registo reflexões sobre essa guerra.

Vida de Sonho

11
Fev16

Daily journal - 11/02/2016

Vida de sonho

A evolução, o crescimento, têm o seu preço. À medida que as coisas ficam mais claras, começo a ter consciência do que não está claro.

Nesta fase, onde necessito de mais empenho é na área profissional. Encostei aos limites e estou a puxar-me para fora da zona de conforto para evoluir. Mas, de facto, os anos de rotinas e formas de ver a vida e o mundo têm muita força. Está a custar e a causar algum desconforto, alguma tristeza, porque é algo muito importante para o futuro.

Preciso clarificar o que quero e o que estou disposto a fazer para o ter. Evoluir e ter folga financeira foi sempre uma aspiração minha, mas percebo agora que não era suficientemente forte para me fazer agir. Melhorar o desempenho, evoluir na carreira e ter conforto financeiro são os meus meios atuais para poder construir a minha liberdade e, depois, a minha independência financeiras. Liberdade é não depender do rendimento mensal, ou seja, ter poupanças para um certo número de meses de sobrevivência; independência é ter património que gera rendimentos suficientes para viver sem necessitar de trabalhar. Saber o que queremos é fundamental para o nosso cérebro poder atuar.

10
Fev16

Daily journal - 10/02/2016

Vida de sonho

Hoje estou com jet lag. Depois de um fim de semana no campo de relax, convívio, boa comida e bom vinho, levar a família a passear e recuperar alguma energia, o regresso ao trabalho não está fácil.

Não vou negar que ter filhos bébés limita muito o nosso descanso, portanto, o nível de energia não está no topo. Mas o stress e as preocupações mundanas desligaram-se e passar uns dias com a natureza, família e em paz reconecta-nos com o essencial. Nestas alturas percebo que ainda tenho um longo trabalho a fazer no campo espiritual, mas o mais importante é que já o iniciei e a consistência trará os resultados.

Hoje o exercício é de gratidão. Gratidão pelo fim de semana cheio de coisas boas, num ambiente positivo, saudável. Gratidão por ter na família um local como o Marranoto para passar uns dias. Gratidão por ser um local sempre com portas abertas. Gratidão pelo grande coração de quem possui a Herdade. Gratidão pelo bem estar físico e emocional que nos permitiu fazer a viagem. Gratidão pela possibilidade de termos carro e facilidade em nos deslocarmos até lá. Gratidão por tantas coisas boas que tenho na vida, de longe muito mais do que as menos boas. Vamos ser gratos por tudo o que de bom temos e nos acontece, porque vivemos em abundância e é uma profunda ingratidão e desperdício não o reconhecermos e aproveitarmos.

04
Fev16

Daily journal - 04/02/2016

Vida de sonho

A luta continua. Dia após dia novos passos são dados para evoluir no sentido de dar o meu melhor e construir a pessoa que sempre quis ser. Estou a avançar e a descobrir que onde tenho mais caminho para andar é na área profissional. É nessa área que vou necessitar investir mais tempo e esforço em 2016.

Tudo isto com um objetivo final. Viver realizado e despreocupado das coisas materiais, para poder usufruir de forma mais completa desta experiência maravilhosa que é a vida. Claro que não podemos esperar, temos que viver o dia a dia, mas isso não pode impedir de darmos o noss melhor no trabalho e termos uma postura de melhoria e visão de longo prazo.

 

02
Fev16

Daily journal - 02/02/2016

Vida de sonho

É engraçado o efeito de mudar de ano. Fazemos novos planos, ajustes, enfim, repensamos e tomamos novas decisões. Isso origina um nível de energia renovado, motivação reforçada e correspondente evolução.

A questão que se levanta é: por que só acontece anualmente? Por que não havemos de fazer trimestral ou mensalmente? Neste mês de fevereiro pretendo implementar algumas mudanças profissionais que eleverão a minha performance. Ora, essas alterações, a terem sucesso, estarão implementadas no final do trimestre. Assim, no 2º trimestre, há que pensar em novas táticas, certo? Ou vou esperar até 2017? Claro que não.

Este contacto com o desenvolvimento pessoal está a fazer-me renascer. São ideias que eram naturais em mim e eu deixei esmorecer, esfriar, num processo de adaptação ao mundo. Agora, estou de regresso, vejo-me a fazer mais coisas em que acredito, alinhadas com a minha natureza. Estou muito melhor, mais feliz.

E o lado profissional está a ganhar maior importância. Na prática, sempre foi importante para mim. Contribuir, ser uma mais valia, ter sucesso, sempre foi um sonho. Agora é hora de avançar com determinação e tornar realidade essas aspirações antigas.

É possível, porque if you do the work you'll get the results.

Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D