Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vida de Sonho

Todos os dias temos uma decisão a tomar: o que vou fazer com a minha vida? Por aqui registo reflexões sobre essa guerra.



Sexta-feira, 29.07.16

Daily journal - 29/07/2016

Fecho de semana pré férias. 1 semana e meia pelo Alentejo, com sol, calor e água. Mas também com leituras, vou levar o ensaio sobre o Tao Te Ching por Wayne Dyer e o livro Deus de Deepak Chopra. A espiritualidade não tira férias. Além de ter Robin Sharma à minha espera no Marranoto.

Hoje o dia começou muito bem. Recebi o reembolso do IRS e as contas ficaram com um panorama bem mais confortável. O modelo de gestão em 3 grupos está a funcionar em pleno, portanto, o orçamento para o dia a dia está assegurado, a poupança longo prazo a ser reforçada e o recipiente de extras está bem composto. O que significa isto? Conforto, maior descontração em relação a dinheiro. São pequenos passos em direção ao meu objetivo último: liberdade. E liberdade é um estado de espírito que sinto crescer aos poucos dentro de mim.

E não escrevo mais, quero ficar com esta última ideia: liberdade é um estado de espírito que sinto crescer aos poucos dentro de mim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:41

Quinta-feira, 28.07.16

Daily journal - 28/07/2016

Num período de intenso trabalho espiritual, os meus pensamentos ficam, naturalmente, mais focados nesta área.

Continuo a fazer o percurso até à minha essência, uma maratona que exige calma, paciência, trabalho diário e crença. Um trabalho de formiguinha virtualmente sem fim, já terminaria na iluminação, algo que muito poucos conseguem. Vou seguir a visão Taoísta de pensar pequeno, um passo de cada vez, um dia de cada vez. O que pretendo agora é evoluir no autoconhecimento e obter respostas interiores: qual a minha missão nesta vida? Não quero pouco, mas é isso que se pode esperar quando olhamos para dentro e ouvimos o que o interior tem para nos dizer.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:50

Quarta-feira, 27.07.16

Daily journal - 27/07/2016

Isto parece estar a ficar sério. O contacto com o Tao Te Ching está a tomar dimensões internas de respeito.

Ao longo das nossas vidas contactamos com imensas ideias, grande parte delas limitamo-nos a observar, analisar e deixá-las continuar livremente o seu caminho. Bem, com o Tao nada disto está a acontecer. A verdade é que estas ideias ressoam internamente, identifico-me de forma cada vez mais profunda com elas. De tal forma que alteram o meu modo de estar na vida. A simplicidade, o fluir da nossa essência, o deprendimento, enfim, experienciar simplesmente a vida e a nossa existência como parte do Tao eterno estão a mexer de forma brutal comigo. E mexem, porque há ressonância com a minha vibração interior.

2016 continua a revelar-se um ano de avanços e esta explosão interior é dos melhores resultados que eu poderia obter.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:35

Terça-feira, 26.07.16

Daily journal - 26/07/2016

Ontem foi um dia difícil. Quando sabemos que uma criança com menos de 3 anos tem leucemia é invitável sentir uma tristeza profunda. Seres indefesos, puros, frágeis, enfim, precisam de proteção e não agressão.

Mas a vida continua, imparável. O tempo não para e o despertador voltou a tocar, o exercício matinal aconteceu, a viagem para o local trabalho está feita e a agenda está aí para ser tratada.

Hoje estamos menos felizes, mas a vida tem que continuar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:46

Segunda-feira, 25.07.16

Daily journal - 25/07/2016

Férias à porta. Esta semana termina julho e um longo período de trabalho. Na primeira quinzena de agosto vamos a banhos...

O fim de semana foi cheio de calor, praia e socialização. É sempre agradável e retemperador. Ainda consegui ler umas páginas do Tao Te Ching, na versão comentada Wayne Dyer. O livro original é composto por 81 poemas, aqui temos uma interpretação de cada um e como é possível aplicar estes conceitos no séc. XXI. Estou a identificar-me intensamente com os conteúdos e a integração na minha vida será bastante fácil, no que depender de mim. A verdade é que não vivemos sós, especialmente quando temos família.

Estou entusiasmado com a decisão de aprofundar o meu trabalho espiritual em 2016. Os meus pensamentos sempre rondaram esta área, apenas não tinha consciência disso. Com esta consciência reforçada, acredito que o impacto seja bastante maior e positivo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:46

Sexta-feira, 22.07.16

Algumas impressões sobre Vedanta

Encontrei alguns vídeos introdutórios sobre Vedanta no incontornável You Tube. Após algum trabalho na parte espiritual, estava preparado para saber um pouco mais sobre a filosofia dos Vedas.

Os Vedas são os textos sagrados Hindus e a Vedanta aprofunda a parte filosófica desses textos. Há várias escolas de Vedanta, a que acompanhei é a não dual. Esta corrente diz-nos que Brama está presente em tudo, mais, é a essência de tudo, dado ser a força criadora do universo.

Assim, o trabalho espiritual que leva à iluminação passa por sentir de forma consciente que somos um com tudo o que existe. Através da meditação exploramos o nosso interior e distinguimos corpo, mente e consciência. Essa consciência é Brama em nós. O iluminado sente essa consciência, vive essa consciência, não se limita ao ego que construiu desde o nascimento.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Vida de sonho às 09:44

Quinta-feira, 21.07.16

Daily journal - 21/07/2016

Às vezes, termos um exemplo do contrário, neste caso, das nossas ideias, ajuda a fortalecer a nossa convicção.

A ideia da felicidade enquanto caminho e não destino, enquanto forma de estar no dia a dia e não uma situação de perfeição celestial, é um exemplo perfeito. Temos tendência para focar nos problemas, no que corre menos bem, em vez de valorizar o tanto que temos de bom. Porque a vida nunca será isenta de problemas, nem perfeita, o nosso cérebro estará habituado a procurar coisas negativas e um estado de espírito de permanente stress e preocupação. Nunca estará "treinado" para procurar felicidade.

Nesta altura de viragem na minha forma de abordar a vida, ter bem próximo alguém que funciona neste paradigma é perfeitamente revelador. A verdade é que vivemos uma vida de abundância, em que nada nos falta, seja no plano físico, material ou emocional, no entanto, dia após dia, uns melhores outros piores, uma contrariedade faz esquecer tudo o resto e um estado negativo, ruminante e corrosivo instala-se e contagia tudo à sua volta.

Assistir a isto apenas confirma que a felicidade é uma escolha diária. Aceitar que somos mortais e a vida não é perfeita é o primeiro passo. Reconhecer tudo o que temos de bom é o segundo. Finalmente, assumir as rédeas a construir a nossa vida de sonho é o terceiro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:37

Quarta-feira, 20.07.16

Eu sou... uma frase de autolimitação

Não sei se decorre da nossa natureza ou da organização social, mas temos uma necessidade de nomear, de definir as coisas. É útil dar um nome às coisas e catalogá-las, agrupá-las; organiza e torna tudo mais fácil. Mas quando toca a nós próprios talvez não seja o ideal.

Hoje lembrei-me como a minha filha mais velha gostava de se considerar maria rapaz. No início, gostar de futebol ou brincar com rapazes levou a que essa expressão fosse usada. Mas depois, quando ela própria se identificou com esse conceito, pode ter acontecido um condicionamento mental para se comportar de acordo com esse modelo, ou seja, só gostar de "coisas de rapazes" (seja lá o que isso for). Pensei para mim próprio que será adequado estimulá-la a fazer coisas de que goste, sejam de rapazes ou raparigas. Obviamente, se se limitar ao modelo deixa de conhecer e usufruir de outras atividades igualmente divertidas.

Partir daqui para uma generalização é um passo muito rápido. Quando procuramos uma identidade, a tendência é caracterizar-nos: simpatia, alegria, bondade, compaixão, amor, etc... Também aqui se aplica esta ideia: quando nos caracterizamos, também limitamos a nossa existência. A verdade é que a vida apresenta-nos um conjunto imenso de possibilidades, alternativas ou experiências a todos os níveis e nós temos capacidades gigantes dentro de nós para sermos o que quisermos. Quando dizemos sou mau a matemática, não tenho jeito para desenho, não tenho sentido de humor, só gosto de bananas, ser chefe não é para mim, etc... estamos, muitas vezes, a limitar todo o potencial que existe dentro de nós. Não vou falar aqui de medos e inseguranças.

O outro ponto a que isto me levou foi ao tema do autoconhecimento. Associamos a saber melhor quem somos e o que estamos aqui a fazer, ou seja, procuramos clarificação, identificação, nomeação. E se o autoconhecimento nos levar no sentido oposto? De abertura a tudo, ao mundo, ao outro, às experiências, à vida e suas ilimitadas possibilidades? Se nos catalogamos estamos a trabalhar ao nível no ego; mas nós não somos o ego, o ego é um interface social. Se o autoconhecimento é contactar a nossa essência, esta é simplesmente paz, amor e harmonia, que embora sejam nomes não contêm qualquer tipo de limitação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:42

Terça-feira, 19.07.16

Daily journal - 19/07/2016

Início de dia turbulento, com temas domésticos e profissionais de impacto emocional. Faz parte da vida, não é tudo perfeito... Vamos respirar fundo, pensar um pouco sobre os temas e deixar o inconsciente dar uma ajuda numa solução.

No trabalho estou num ciclo vicioso que preciso romper. A minha performance está abaixo do standard que pretendo e isso gera desconforto. A nossa frágil natureza, não, o nosso frágil ego trata de registar esse desconforto e utilizá-lo em qualquer situação menos boa sob a forma de medo e insegurança. Porque isso não tem nada a ver com a nossa natureza. A nossa natureza é paz, é amor, é abundância, nada de insegurança ou medo. O trabalho espiritual está a ajudar na clarificação de alguns temas. A verdade é: preciso subir o nível de desempenho, preciso de o colocar no patamar que pretendo para o meu equilíbrio interior.

Portanto, vamos à luta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 10:03

Segunda-feira, 18.07.16

Daily journal - 18/07/2016

Um fim de semana com muito calor acabou de forma excelente. Um batizado é um momento de encontro da família e ontem houve mais um momento muito agradável. O tempo, as pessoas, os locais, tudo ajudou para umas horas muito bem passadas.

Altura também para atualizar conversas. Desta vez com um companheiro de percurso, tanto no desenvolvimento pessoal, como na espiritualidade. Nós estamos muito condicionados pela nossa aprendizagem social e na nossa civilização ocidental meditação e espiritualidade são temas que geram desconforto, no entanto, o Cristianismo é uma pedra basilar dessa mesma civilização. A espiritualidade é fulcral, mas não temos bem consciência disso. Ontem foi dia de falar um pouco de espiritualidade, yoga, meditação. Muito bom.

Agora mãos à obra para nova semana de trabalho, porque temos que ganhar a vida e prestar o nosso contributo. As férias aproximam-se e há que ter o trabalho em ordem, para que o usufurto desse período seja mais completo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Vida de sonho às 09:56

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.